segunda-feira, 8 de maio de 2017

Quanto custa contratar um detetive particular?

A profissão de detetive particular, mesmo nos dias atuais, ainda gera dúvidas e muitas curiosidades. Além de perguntas sobre como é conduzida uma investigação particular, muitas pessoas se questionam sobre o preço da contratação desse serviço e quais as formas de pagamento aceitas pelas agências de detetive particular.
O grande segredo por trás da curiosidade do preço cobrado por uma investigação particular é que os profissionais da área não divulgam abertamente seus valores e isso tem uma razão de ser: cada investigação particular tem um valor!
Isso quer dizer que o detetive particular vai mudar o preço a cada investigação? Não exatamente. O que acontece é que o trabalho do profissional irá depender muito daquilo que o cliente quer com a contratação do serviço e, portanto, é difícil para que os detetives atuem com tabelas fechadas de preço sendo que cada investigação pode demandar um trabalho diferente.

Como um detetive avalia o preço de um caso?

O detetive particular irá considerar diversos aspectos para realizar uma investigação particular e estipular um orçamento ao cliente, entre os fatores que devem ser avaliados estão:
  • Tempo de investigação;
  • Quantidade de informações disponível no início do caso;
  • Facilidade para acessar dados sobre o investigado;
  • Quantidade de provas exigidas pelo cliente;
  • Complexidade das provas que devem ser coletadas.
Esses são alguns fatores que podem tornar uma investigação particular mais cara ou mais barata. O ideal é que o cliente que deseja contratar esse serviço faça um primeiro contato com a agência de detetive e apresente todas as informações necessárias para que seja possível fazer um orçamento com base nas especificidades do caso.
Já quanto ao pagamento, é importante que o cliente saiba que o serviço será prestado de acordo com os termos de um contrato e que, geralmente, o pagamento é feito 50% no momento da assinatura do acordo e outros 50% na hora da entrega do relatório final.

Quando vale a pena contratar um detetive?

O cliente deve ter consciência que o serviço de detetive particular irá atender as suas demandas quanto a um caso específico, o que pode ser uma investigação conjugal, empresarial, familiar, entre outros, mas que a relevância irá depender do próprio interesse da pessoa na questão.
Em um caso conjugal, por exemplo, onde as desconfianças podem causar graves problemas no relacionamento, ter a possibilidade de esclarecer e sanar as dúvidas pode ser fundamental para recuperar a confiança perdida e melhorar a convivência.

Resultados

Ao final da investigação, a equipe contratada se certifica de entregar resultados e provas satisfatórias e que possam esclarecer todas as dúvidas que motivaram a contratação do investigador. Com essas informações em mãos, os clientes têm mais possibilidades de tomar uma decisão com mais razão e precisão.
As provas coletadas podem ser usadas para fins judiciais, lembrando que os profissionais possuem discrição e comprometimento com as informações coletadas, garantindo que o trabalho de um detetive particular possa atender satisfatoriamente as exigências e expectativas do cliente.

Fonte: http://detetivedaniele.com.br

Share:

0 comentários:

Postar um comentário